quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Postura e conduta técnica do treinador de basquetebol: o treinamento





Para programar um treinamento é necessário saber o número total de jogadores que vão participar da atividade, com o objetivo de preparar os exercícios adequados.

Em todo treinamento devemos ter um sistema, uma ordem e um método a fim de conseguirmos o que desejamos. Temos que propor objetivos individuais e coletivos difíceis para que haja superação, mas possíveis de alcançar.

Todo treinamento deverá estar por escrito com a definição do tempo e de todas as atividades e exercícios que serão desenvolvidos. Não possuir uma programação com o tempo determinado para cada exercício, pode resultar em se prolongar uns exercícios e ter que encurtar outros. Esta programação deverá levar em consideração o desempenho da equipe, se o exercício não estiver rendendo deverá ser modificado e em caso de estar tendo um rendimento muito bom o treinador deverá aproveitar o bom momento e seguir com mo exercício. Este registro é de grande importância para analisar o que foi atingido e o que precisa ser reformulado. É como se cada dia um desafio fosse proposto, e o treinamento do dia seguinte vai depender das respostas  apresentadas pela equipe.

É importante que a programação da semana seguinte seja afixada em local visível, sempre ao final do último treino da semana, para que os atletas tenham conhecimento do que irá acontecer.

Exercícios

O treinador deve escolher os exercícios mais adequados para cada objetivo. Os exercícios devem colocar em ação o maior número de atletas para que os jogadores não se distraiam ou relaxem, exceto quando esteja programado. O que a equipe necessita é praticar e repetir para adquirir hábitos. Utilizar exercícios variados, mas com o mesmo objetivo para evitar aborrecimento por parte dos atletas e monotonia. Empregar exercícios que interessem aos jogadores por sua novidade, dificuldade e originalidade, e que incluam elementos do jogo aproximando o máximo possível da realidade que será encontrada. Utilizar explicações breves e claras destacando todos os objetivos relacionados  com a tarefa que será desenvolvida.

Não especificar posições (armador, lateral e pivô) fazendo com que todos os jogadores executem todos os exercícios e passem por todas as posições, pois como estamos trabalhando com atletas em pleno crescimento e desenvolvimento não sabemos quais serão suas qualidades físicas no futuro.

Para desenvolvimento dos exercícios utilizar as seguintes técnicas de ensino:

  • Parado
  • Com deslocamento
  • Correndo
  • Com oposição

Algumas pessoas aprendem ouvindo, outras vendo, lendo, fazendo, ou mesmo da mistura de duas ou três maneiras de se aprender. Entenda as dificuldades de cada atleta e utilize todos os recursos necessários para transmitir o conteúdo dos treinamentos. Por isto, o treinador deverá utilizar todas as formas possíveis para facilitar o entendimento dos atletas:

  • Explicar
  • Demonstrar
  • Imitar
  • Corrigir
  • Repetir

Ter um controle quanto à presença dos jogadores nos treinamentos bem como apresentar relatórios mensais, semestrais e anuais mesmo que não sejam solicitados pela entidade.

Todo jogador, de qualquer faixa etária, observará no treinador o seu profissionalismo e dedicação que presta a sua equipe, aumentando sua confiança nele.

Tenha sempre em mente: COMO TREINAS,  JOGARÁS!

Atitudes durante o treinamento

O treinador deverá dedicar especial atenção à pontualidade para que possa exigir o mesmo de todos os componentes da equipe.

Ao início do treino deverá reunir todo o grupo e comunicar um resumo do que irá ocorrer e quais são os objetivos principais daquele treinamento.

Criar um clima de competição durante as sessões o que com certeza levará a uma melhoria da equipe.

Durante todo o treinamento o treinador deverá manter o seu foco na atividade, portanto quando chegar no ginásio um amigo ou um diretor falar apenas o necessário, se for o caso. Manter o celular desligado e em caso de necessidade de mantê-lo ligado comunicar ao grupo a razão e em que condições irá atendê-lo.

Ao terminar o treinamento, reunir o grupo e obter feedback das atividades, para saber se as atividades propostas atenderam às expectativas do grupo.



Comente:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Arquivo do blog